Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Partebilhas

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

1982 – Plaza de Toros de Las Ventas del Espíritu Santo

Victorino Martín.jpg

O ano de 1982 foi muito importante para a ganadaria de Victorino Martín.

 

-- Em 1 de Junho, na Praça de Madrid realizou-se uma excelente corrida, que mais tarde foi considerada “A Corrida do Século”.

Saíram em ombros pela Porta Grande: Francisco Ruíz Miguel, Luís Francisco Esplá e José Luís Palomar e também o ganadero Victorino Martín.

Para Luís Francisco Esplá o triunfo ainda foi maior, porque foi-lhe atribuído o troféu “Andanada” por ter colocado o melhor par de bandarilhas da Feira de Santo Isidro desse ano.

 

-- Em 19 de Julho, também em Las Ventas, na tradicional Corrida da Imprensa – Concurso de Ganadarias – foram lidados toiros de Eduardo Miura, Hernandez Plá, Victorino Martín, Salvador Guardiola, Fermín Bohórquez e Celestino Cuadri.

“Belador” lidado pelo matador José Ortega Cano foi, até hoje, o único toiro indultado em Madrid e regressou ao campo tendo ficado como semental da ganadaria de Victotino Martín durante 8 anos.

 

 

Na foto, o ganadero Victorino Martín Andrés

 

 

Respeito pela cultura

fotonoticia_20160602090701_980.jpg

A Espanha respeitando a sua cultura e tradição secular.

Rei Juan Carlos e Infanta Elena na Praça de Las Ventas apoiando a tauromaquia durante a corrida de toiros de beneficência que se realizou em 1 de Junho de 2016.

Praça cheia, com 23.500 pessoas assistindo ao espectáculo e que aplaudiram com forte ovação o Rei quando entrou no camarote de honra.

Belas actuações dos matadores de toiros Sebastián Castella, José María Manzanares e Alberto López Simón.

Las Ventas.png

 

 

Cristina Cifuentes - Uma aficionada

Brinde de Manuel escrivano.jpg

Madrid - Feira de Santo Isidro 2016 – Corrida da Imprensa

O matador Manuel Escribano brindou ontem a faena de um dos seus toiros a Cristina Cifuentes Cuencas, presidente da “Comunidad de Madrid”.

Depois a presidente foi entrevistada pelo Canal Toros e fez uma bela defesa à tauromaquia que foi transmitida em directo para todo o mundo taurino.

Assim se defende uma arte que faz parte da cultura ibérica e proporciona efeitos positivos na economia espanhola.

Nem todos os políticos têm essa coragem. Muitos têm medo de perder os votos dos anti-taurinos. Porém fazem mal as contas, porque os aficionados e os que gostam de assistir ao espectáculo de toiros são em número muito superior.

Os que brandam e gritam em bicos dos pés e que desejam a extinção das touradas, aflitos pelo sangue derramado pelos toiros, terão as suas razões, não obstante poucos deles saberem do que falam – porque nunca assistiram a uma corrida de toiros – e quase sempre estão indiferentes à aflição dos humanos ao seu lado, carenciados, doentes e pobres e muito mais desinteressados pelas crianças feridas, mal tratadas e abandonadas vítimas dos diversos conflitos mundiais.

Tal como se lamentou este mês o Papa Francisco, preocupado com “os que só sentem compaixão pelos animais e indiferença pelo vizinho”.

Cristina Cifuentes.jpg

 

 

Manuel Conde - Las Ventas 1956

Manuel Conde - 1956.jpg

 

É do conhecimento de alguns aficionados que o cavaleiro João Núncio matou a estoque um toiro sem se desmontar do seu cavalo “Alpompé” na Praça de Sevilha em 1942.

Também Manuel Conde tentou estoquear a cavalo por duas vezes na Praça de Las Ventas em Madrid em 1956, em 8 e em 12 de Abril.

Na realidade Manuel Conde não conseguiu o que o mestre João Núncio já tinha demonstrado que era possível. Porém a crítica espanhola foi muito elogiosa com o cavaleiro de Sintra.

Notícia publicada na revista El Ruedo de 12 de Abril de 1956:

“Conde excepcional caballista y magnífico torero a caballo. Rara vez hubo presatación de un rejoneador tan cuajado, tan seguro y de tan finas y artísticas dotes como éste.”

Referente à foto aqui exposta, tem a seguinte legenda:

“El rejoneador portugués Manuel Conde estoquando desde el caballo. Conde tuvo una brillante actuación y fue despedido com muchos aplausos.”

O último Rei do Iraque

Rei FaisalII e Generalíssimo Franco - 1956.jpg

Em Maio de 1956 o Rei Faisal II do Iraque assistiu à última corrida de toiros da Feira de Santo Isidro, na Praça de Las Ventas em Madrid, acompanhado pelo Generalíssimo Francisco Franco.

Nessa corrida com toiros de Alipio Pérez-Tabernero actuaram os matadores venezuelanos Antonio Bienvenida e César Girón e o mexicano Joselito Huerta.

Dois anos depois – em 14 de Julho de 1958 – num golpe de estado conduzido por oficiais republicanos comandados pelo General Abdel Salam Aref, a Monarquia do Iraque foi derrubada e o Rei Faisal II e a sua família foram assassinados durante um massacre no Palácio Rihab.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D