Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Partebilhas

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

Sevilha - indulto

16.04.2016 Orgullito-indultado.png

Na corrida que se realizou em Sevilha em 16 de Abril de 2018 – na Real Maestranza de Caballería – quando o matador El Juli lidava o seu segundo toiro, quinto da ordem, da ganadaria de Garcigrande, o público em pé e acenando lenços brancos pediu o indulto.

Na verdade o “Orgullito” teve um comportamento tal de bravura e nobreza que Presidente da Corrida colocou o lenço laranja premiando a ganadaria com o perdão à morte deste toiro e a possibilidade de regressar ao campo para ser aproveitado como semental.

Uma tarde histórica na tauromaquia em Sevilha, numa Praça onde raramente é concedido o indulto. Na realidade este foi o quarto indulto na “Maestranza” desde 1881.

Em 12 de Outubro de 1965 o novilho “Laborioso” do marquês de Albaserrada foi indultado depois de uma faena de Rafael Astola; em 30 de Maio de 2011, José María Manzanares indultou o toiro “Arrojado” de Núnez del Cuvillo; em 13 de Abril de 2016 ao toiro “Cobradiezmos”, de Victorino Martin, foi-lhe perdoada a morte depois de poderosa e excelente faena do valoroso matador Manuel Escribano.

O prémio maior para qualquer ganadaria é ter um toiro indultado numa Praça considerada de prestígio taurino, como é o caso de Sevilha.

Para o toureiro também é uma honra, porque o prémio do indulto tem a ver com a bravura do toiro mas também, e muito, pela lide adequada.

Parabéns ao ganadero Justo Hernández.

Parabéns ao matador Julián Lopez Escobar “El Juli”.

Parabéns ao público que esgotou a “Real Maestranza” e que maioritariamente solicitou o indulto do toiro “Orgullito”.

16.04.2018-Justi Hernandez na volta do induslto.jpEl Juli e o ganadero Justo Hernández (Garcigrande)

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D