Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Partebilhas

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

O conteúdo deste blogue é da responsabilidade de MANUEL PERALTA GODINHO E CUNHA e pode ser reproduzido noutros sítios que não pertençam ao autor porque o importante é a divulgação da tauromaquia.

No Monte da Caravela

TTE-M.da Caravela.Out.2017.jpg

No Monte da Caravela

Raramente o jantar mensal da Tertúlia Tauromáquica Eborense se realiza fora de Évora e tal só acontece quando há um evento especial e assim foi neste mês de Outubro de 2017.

A convite de Simão Nunes Comenda o jantar realizou-se ontem na Monte da Caravela, em Montemor-o-Novo.

Excelente convívio de aficionados, um óptimo jantar com quase todos os elementos da Tertúlia, em animadas conversas taurinas, que se prolongou pela noite e sempre com o extraordinário acolhimento e simpatia do anfitrião. Uma noite de ambiente taurino a não esquecer.

Simão Comenda recordou diversos momentos da sua vida. Interessantes momentos passados nas arenas e também na sua casa agrícola. Excelentes recordações de uma vida taurina e de lavoura.

Foram também analisadas as propostas de alguns dos presentes para fazerem parte desta Tertúlia os seguintes aficionados: Luís Miguel da Veiga, João Maria Roque dos Santos, Diamantino Sarrabulho e Manuel Cabral da Silveira. Admitidos por unanimidade.

O próximo jantar da Tertúlia Tauromáquica Eborense será em Novembro e como é habitual em Évora e na Pousada dos Loios.

TTE.Monte Caravela.Out.2017.JPG

 

 

Forcados no México

Cartaz de Néxico.jpg

Longe vão os tempos em que João d’Orey Pinheiro (Arnoso) pegou o primeiro toiro em terras mexicanas, em Guadalajara em 1 de Fevereiro de 1970.

O Grupo era comandado por Simão Malta e constituído por Simão Nunes Comenda, Manuel Augusto Ramalho, João Cortes, Armando Félix e Francisco Chaveiro, do Grupo de Montemor; João d'Orey Pinheiro (Arnoso), do Grupo de Lisboa; António Oleiro Maltez e Francisco Picão Caldeira, do Grupo de Évora. Nesse Grupo fardou-se também de forcado o peão de brega Ludovino Bacatum.

Anos depois outros forcados amadores actuaram na República Mexicana, sendo o Grupo de Évora, comandado por João Nunes Patinhas, o primeiro a pisar a arena da Plaza Monumental de México em Março de 1976.

No México houve continuadores locais e hoje são alguns grupos de forcados amadores desse país que executam a mais autêntica arte da tauromaquia portuguesa: a pega. Fardam-se à portuguesa e mantêm os conceitos do Forcado Amador.

O cartaz aqui exposto de uma corrida que se vai realizar no dia 27 deste mês na “Plaza de Toros de Santa María” e relacionado com os 35 anos do Grupo de Forcados Queretanos, marca a extensão da portugalidade nesse enorme país da América do Norte.

Viva México!

Viva o Grupo de Forcados Queretanos!

 

 

Tertúlia Tauromáquica Eborense - Set. 2016

Monte da Caravela-2016.jpg

 

Realizou-se no Monte da Caravela em Montemor-o-Novo, o jantar de Setembro da Tertúlia Tauromáquica Eborense, a convite do anfitrião Simão Nunes Comenda que, como é habitual e com a sua simpatia recebeu todos os tertulianos.

Jantar que decorreu muito bem. Agradável convívio de aficionados à Festa, desta vez com as presenças do cavaleiro Luís Miguel da Veiga – que este ano comemora os seus 50 anos de alternativa – e do Dr. Nuno Belchiorinho, aficionado de Almeirim.

Neste jantar foi confirmada a admissão de Amor Fialho, sócio gerente do Restaurante Fialho de Évora, como elemento da Tertúlia, ele também um excelente aficionado e amigo de há longa data de todos os presentes.

Noite de calor, de muito calor, num Setembro que atingiu os 43º no Alentejo. Noite que foi agradavelmente passada no Monte da Caravela num grupo de amigos que gostam de se encontrar para falar do que os apaixona: a Corrida de Toiros.

Monte da Caravela-Set.2016.JPG

 

 

 

Jantar da Tertúlia Tauromáquica Eborense - Março de 2016

Jantar TTE-Março2016.jpg

 

 

Como é habitual a Tertúlia Tauromáquica realizou o seu jantar mensal na Pousada dos Loios.

Em 7 de Março de 2016 foi convidado de honra o Dr. Manuel Jorge Díez dos Santos que se fez acompanhar pela sua mulher Maud.

O convidado aproveitou para fazer a divulgação do seu livro “Manuel dos Santos – O Homem e o Toureiro” e explicou a sua vontade de deixar reunido neste livro uma série de crónicas e fotos e diversos documentos relacionados com a vida de seu pai, não só como grande toureiro que foi, mas também a sua faceta de empresário e abordando também outras recordações de âmbito familiar.

Foram várias as perguntas e também as memórias de quem acompanhou em alguns momentos da vida de Manuel dos Santos, com destaque para João Patinhas e Simão Comenda que se referiram principalmente às iniciativas realizadas pelo antigo matador e empresário no que diz respeito à divulgação da tourada à portuguesa em alguns países.

Jantar muito agradável com todos os presentes agradados e muito interessados nas descrições da vida de uma figura importantíssima para a tauromaquia como foi Manuel dos Santos.

                                                       

Tert. T. Eborense.png

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D